Filme do desassossego, novo filme de João Botelho

O cine­as­ta por­tu­guês João Bote­lho estreia no pró­xi­mo dia 29 de Setem­bro, no Cen­tro Cul­tu­ral de Belém (CCB), o seu novo e mui­to aguar­da­do «Fil­me do Desas­sos­se­go», uma lei­tu­ra da obra de Ber­nar­do Soa­res.
Dadas as carac­te­rís­ti­cas intrín­se­cas da geni­al obra, é opi­nião cor­ren­te que se tra­ta de algo intrans­po­ní­vel para o cine­ma. João Bote­lho, num lon­go e mui­to pes­so­al pro­jec­to, ousou de for­ma pou­co con­ven­ci­o­nal apre­sen­tar ao públi­co por­tu­guês a sua visão.
O fil­me, que con­ta com as par­ti­ci­pa­ções de Cláu­dio Sil­va, Rita Blan­co, Ale­xan­dra Len­cas­tre, Miguel Gui­lher­me, Cata­ri­na Wal­lens­tein, Cae­ta­no Velo­so, Lula Pena e a fadis­ta Car­mi­nho; não será exi­bi­do, por exi­gên­cia do rea­li­za­dor, em qual­quer sala de cine­ma nos cen­tros comer­ci­ais. A estreia no Bra­sil ocor­re­rá na 34ª Mos­tra Inter­na­ci­o­nal de Cine­ma de São Pau­lo (Bra­sil) que ocor­re­rá entre 22 de Outu­bro e 4 de Novem­bro.

Fon­te