14.ª edição do FEST com mais de 240 filmes

Este ano, o Fes­ti­val, que é dedi­ca­do ao tema “Fron­tei­ras?, con­ta, como habi­tu­al­men­te, com diver­sas sec­ções com­pe­ti­ti­vas, com espe­ci­al des­ta­que para a com­pe­ti­ção pelo Lin­ce de Ouro, atri­buí­do a lon­gas-metra­gens de Fic­ção ou Docu­men­tais, pri­mei­ras ou segun­das obras.

Este ano, o Fes­ti­val, que é dedi­ca­do ao tema “Fron­tei­ras”, con­ta, como habi­tu­al­men­te, com diver­sas sec­ções com­pe­ti­ti­vas, com espe­ci­al des­ta­que para a com­pe­ti­ção pelo Lin­ce de Ouro, atri­buí­do a lon­gas-metra­gens de Fic­ção ou Docu­men­tais, pri­mei­ras ou segun­das obras.

O pré­mio Lin­ce de Pra­ta será atri­buí­do à melhor cur­ta-metra­gem, con­si­de­ran­do-se nes­ta sec­ção com­pe­ti­ti­va os cine­as­tas até aos 30 anos de ida­de, com tra­ba­lhos nos for­ma­tos Fic­ção, Docu­men­tá­rio, Ani­ma­ção e Cine­ma Expe­ri­men­tal.

Cru­zan­do os uni­ver­sos do docu­men­tá­rio, fic­ção e cine­ma expe­ri­men­tal, o FEST inte­gra­rá ain­da uma sec­ção infan­to-juve­nil dedi­ca­da às famí­li­as, o FES­Ti­nha, uma com­pe­ti­ção naci­o­nal de cur­tas-metra­gens, Gran­de Pré­mio Naci­o­nal, e um pré­mio para obras de rea­li­za­do­res a saí­rem das facul­da­des (NEXXT).

No que se refe­re às sec­ções não com­pe­ti­ti­vas, des­ta­que para o foco sobre o cine­ma japo­nês, aus­tría­co e sue­co, nos fil­mes que inte­gram a sec­ção Fla­vours of The World. Na sec­ção Be Kind Rewind, o Fes­ti­val pro­põe a des­co­ber­ta do cine­ma da Coreia do Nor­te.

Como habi­tu­al­men­te, tam­bém, o FEST con­ta com diver­sas ati­vi­da­des para­le­las, como o Trai­ning Ground, onde esta­rão pre­sen­tes, entre outros, do cine­as­ta Asghar Farhad, do rea­li­za­dor e pro­du­tor Roman Cop­po­la e da edi­to­ra e pro­du­to­ra Gabri­el­la Cris­ti­a­ni; e o Pit­ching Forum, por onde pas­sa­rão mais de vin­te pro­je­tos naci­o­nais que se podem habi­li­tar a ganhar apoi­os de pro­du­ção.

Con­sul­te a pro­gra­ma­ção com­ple­ta no sítio do Fes­ti­val.

Fon­te.