Filmes portugueses em destaque na Festa do Cinema 2018

PEDRO E INÊS, de António Ferreira, que teve a sua estreia nacional a 18 de outubro, é um dos filmes portugueses em destaque na programação deste ano da Festa do Cinema.

Esta edição conta ainda com uma programação especial, onde se inclui a exibição de diversos filmes nacionais em espaços onde habitualmente não existem sessões de cinema.
PEDRO E INÊS, de Antó­nio Fer­rei­ra, que teve a sua estreia naci­o­nal a 18 de outu­bro, é um dos fil­mes por­tu­gue­ses em des­ta­que na pro­gra­ma­ção des­te ano da Fes­ta do Cine­ma.

Esta edi­ção con­ta ain­da com uma pro­gra­ma­ção espe­ci­al, onde se inclui a exi­bi­ção de diver­sos fil­mes naci­o­nais em espa­ços onde habi­tu­al­men­te não exis­tem ses­sões de cine­ma. Em Miran­de­la, cida­de do dis­tri­to de Bra­gan­ça, no Audi­tó­rio Muni­ci­pal, vão ser exi­bi­dos três fil­mes por­tu­gue­ses: SOLDADO MILHÕES, de Gon­ça­lo Gal­vão Teles e Jor­ge Pai­xão da Cos­ta, é exi­bi­do no dia 22 de outu­bro; LEVIANO, de Jus­tin Amo­rim, pas­sa no dia 23; e a 24 de outu­bro, é exi­bi­do O FIM DA INOCÊNCIA, de Joa­quim Lei­tão.

Os fil­mes SOLDADO MILHÕES e O FIM DA INOCÊNCIA vão tam­bém ser exi­bi­dos no Audi­tó­rio Muni­ci­pal de Sesim­bra, nos dois pri­mei­ros dias da Fes­ta do Cine­ma 2018, onde pas­sa ain­da, a 24 de outu­bro, o fil­me GELO, de Luís Gal­vão Teles e Gon­ça­lo Gal­vão Teles. Serão ain­da as exi­bi­das cur­ta-metra­gens por­tu­gue­sas, ESPELHO MEU, com Cláu­dia Seme­do, Rodri­go Soa­res e Cata­ri­na Lima, e TU com Catri­na Lima, Gon­ça­lo Cabral e nar­ra­ção de Afon­so Pimen­tel, ambas do rea­li­za­dor Hugo Pin­to.

No Cen­tro Cul­tu­ral Gil Vicen­te, no Sar­do­al, o car­taz inclui três fil­mes inter­na­ci­o­nais: JOHNNY ENGLISH VOLTA A ATACAR, O QUE DE VERDADE IMPORTA, e O MISTÉRIO DA CASA DO RELÓGIO, nos dias 22, 23 e 24 de outu­bro, res­pe­ti­va­men­te.

Nes­tes três locais, todas as ses­sões estão mar­ca­das para as 21h30.

O Cen­tro Mul­ti­mei­os de Espi­nho jun­ta-se à Fes­ta do Cine­ma com uma exi­bi­ção espe­ci­al de OPERATION SHOCK AND AWE, dra­ma bio­grá­fi­co rea­li­za­do por Rob Rei­ner, às 16h30 do dia 24 de outu­bro.

Em Évo­ra, o Audi­tó­rio Soror Mari­a­na rece­be o dra­ma COLUMBUS, rea­li­za­do por Kogo­na­da, em ses­sões mar­ca­das para as 18h00 e as 21h30 de 24 de outu­bro.

A Fes­ta do Cine­ma visa pro­mo­ver o envol­vi­men­to do públi­co com o ato cul­tu­ral de assis­tên­cia cine­ma­to­grá­fi­ca em sala, uma prá­ti­ca soci­al por exce­lên­cia que se pre­ten­de desen­vol­ver e que venha, cada vez mais, a cres­cer no mer­ca­do naci­o­nal.

A ini­ci­a­ti­va é pro­mo­vi­da pela APEC – Asso­ci­a­ção Por­tu­gue­sa de Empre­sas Cine­ma­to­grá­fi­cas, com o apoio do ICA – Ins­ti­tu­to do Cine­ma e do Audi­o­vi­su­al, FEVIP – Asso­ci­a­ção Por­tu­gue­sa de Defe­sa das Obras Audi­o­vi­su­ais e GEDIPE — Asso­ci­a­ção para a Ges­tão Cole­ti­va de Direi­tos de Autor e de Pro­du­to­res Cine­ma­to­grá­fi­cos e Audi­o­vi­su­ais.

Para mais infor­ma­ções sobre a Fes­ta do Cine­ma 2018 con­sul­te o site ofi­ci­al da ini­ci­a­ti­va.

Fon­te.