Um Sonho de Horizonte

Ulti­mam-se os pre­pa­ra­ti­vos para a pro­du­ção da cur­ta-metra­gem “Hori­zon­te Arti­fi­cal”, inse­ri­da no pro­gra­ma peda­gó­gi­co Cine­ma­lo­gia e nas acti­vi­da­des da 21.ª Sema­na Cul­tu­ral da Uni­ver­si­da­de de Coim­bra. É um momen­to cha­ve des­te cami­nho de apren­di­za­gem que se cru­za com a ambi­ção dos alu­nos, acto­res e orga­ni­za­ção de pro­du­zir um fil­me de qua­li­da­de que tan­to espe­lhe a qua­li­da­de do pro­gra­ma do cur­so, como per­mi­ta valo­ri­zar e pro­fis­si­o­na­li­zar os alu­nos do cur­so apre­sen­tan­do-os ao meio cine­ma­to­grá­fi­co como um con­jun­to de pro­fis­si­o­nais aptos a entrar em pró­xi­mas pro­du­ções. 

De 13 a 17 de abril, conhe­ce­re­mos o per­cur­so e ambi­ção de Álva­ro, um escri­tor pre­so no seu pró­prio uni­ver­so.  A pro­du­ção, nes­ta nona edi­ção, é a mais ambi­ci­o­sa das pro­du­ções pro­mo­vi­das pelo cur­so, tan­to tec­ni­ca­men­te, como no acom­pa­nha­men­to téc­ni­co e teó­ri­co. Sebas­tião Rodri­gues, Lee Fuze­ta, Emí­dio Buchi­nho, Luí­sa Bebi­a­no e Car­los Gago con­tri­bui­rão in loco com a sua expe­ri­ên­cia na mate­ri­a­li­za­ção do sonho, o argu­men­to, num Hori­zon­te Arti­fi­ci­al con­cre­to, o fil­me. Ain­da exis­tem algu­mas vagas dis­po­ní­veis. Se sem­pre quis apren­der como decor­re a rea­li­za­ção, em espe­cí­fi­co, e a pro­du­ção, em geral, de um fil­me, ins­cre­va-se em www.caminhos.info/cinemalogia/inscricao.

Sai­ba mais na seguin­te liga­ção: Um Sonho de Hori­zon­te.