Todos os artigos de cec

O CEC - Centro de Estudos Cinematográficos - promove a “Sétima Arte” organizando ciclos, programando palestras ou editando cadernos, e divulga autores e filmografias que, apesar da sua qualidade, são marginais à política das distribuidoras nacionais. Além de Cineclube Universitário tem também uma vertente de formação na área dos audiovisuais, bem como uma vertente técnica que lhe permite fazer a cobertura em vídeo dos eventos mais importantes da Associação e da vida universitária em geral. Promove ainda a produção e realização de curtas e medias metragens no formato vídeo.

CINEMA TRINDADE DEDICA SESSÃO A DIOGO COSTA AMARANTE

p.p1 {margin: 0.0px 0.0px 0.0px 0.0px; font: 12.0px ‘Helvetica Neue’; color: #454545}span.s1 {text-decoration: underline ; color: #e4af0a}Amanhã, a partir das 17h30, no Cinema Trindade, no Porto, decorre uma sessão especial de cinema, dedicada ao realizador Diogo Costa Amarante, com a exibição dos filmes CIDADE PEQUENA e AS ROSAS BRANCAS, seguidos de uma conversa com o realizador.

O filme CIDADE PEQUENA estreou no Curtas Vila do Conde e arrecadou o Urso de Ouro para Melhor Curta-Metragem, na última edição da Berlinale, bem como o prémio de Melhor Realizador, no Festival de Cinema Experimental de Bucareste. A curta-metragem AS ROSAS BRANCAS integrou a competição Berlinale em 2014.

JOVENS TALENTOS PORTUGUESES NOS PRÉMIOS NICO 2017

Os Prémios Nico, assim designados em homenagem ao ator e realizador Nicolau Breyner, surgiram de forma a reconhecer novos talentos que evidenciem as qualidades e sonhos reconhecidos no ator homenageado.

Neste primeiro ano, os premiados foram: o realizador Nuno Rocha, pela obra A MÃE É QUE SABE; o designer Igor Ramos, autor do cartaz japonês de O ORNITÓLOGO; e o jovem ator Miguel Cunha, pela sua participação no filme ZEUS.

COMEÇA HOJE O FESTIVAL DE SYDNEY, NA AUSTRÁLIA

Quatro filmes portugueses e uma coprodução integram o Festival de Cinema de Sydney, na Austrália. Até 18 de junho, Portugal estará representado pelos filmes: AMA-SAN, de Cláudia Varejão; SÃO JORGE, de Marco Martins; O ORNITÓLOGO, de João Pedro Rodrigues; A FLORESTA DAS ALMAS PERDIDAS, de José Pedro Lopes; e PORTO, de Gabe Klinger.
O Festival de Cinema de Sydney acontece há mais de 60 […]

João Pedro Rodrigues no Kino Arsenal

O ORNITÓLOGO, O FANTASMA e MORRER COMO UM HOMEN são os três filmes do realizador português incluídos na programação do Kino Arsenal, a sala de cinema do Arsenal ? Institute for Film and Video Art.

As exibições acontecem a 06 e 07 de junho e contam com a presença do realizador, que participará em sessões de esclarecimento e debate a decorrerem após a exibição das suas obras.

No dia 07 de junho, a exibição do filme O ORNITÓLOGO é precedida da curta-metragem O QUE ARDE CURA, de João Rui […]

AS NOITES DE OURO VOLTAM A LISBOA

p.p1 {margin: 0.0px 0.0px 0.0px 0.0px; text-align: justify; font: 12.0px ‘Helvetica Neue’; color: #454545}p.p2 {margin: 0.0px 0.0px 0.0px 0.0px; font: 12.0px ‘Helvetica Neue’; color: #454545}”As Noites de Ouro? estão de volta à Cinemateca, em Lisboa, já a partir de amanhã. Nos dias 7 e 8 de junho serão exibidas as 33 melhores curtas-metragens do mundo, num programa que é uma extraordinária viagem pelo cinema que permitirá aos espectadores descobrir novas culturas e futuros cineastas.

Estas noites são organizadas por 9 Academias de Cinema de várias capitais Europeias: Atenas, Bruxelas, Lisboa, Luxemburgo, Madrid, Roma, Estocolmo, Viena e Paris. Serão exibidos filmes premiados pelas Academias de Cinema de 33 países, entre os quais Óscares, Goyas, Césares e Sophias.

A representar Portugal estará “Amélia & Duarte?, das realizadoras Alice Guimarães e Mónica Santos, um filme de animação recentemente premiado nos Prémios […]