Centro de Estudos Cinematográficos

Discurso de Encerramento: “Afinal, ninguém viu o andaime atrás da tela, pois não?”

publi­ci­da­de

Como é que se redi­ge um dis­cur­so de encer­ra­men­to de um even­to que con­ti­nua até mea­dos de dezem­bro? Será da mes­ma for­ma com que se enca­ra a cons­tan­te refor­mu­la­ção de um pro­gra­ma? Tal­vez. Tal­vez seja essa a fór­mu­la pos­sí­vel para enca­rar os desa­fi­os de hoje. Avan­çar, ana­li­sar, refor­mu­lar. (Re)programar. Os desa­fi­os de hoje per­mi­ti­ram renovar

Sai­ba mais na seguin­te liga­ção: Dis­cur­so de Encer­ra­men­to: “Afi­nal, nin­guém viu o andai­me atrás da tela, pois não?”.

publi­ci­da­de