Revelado o candidato português à nomeação para os Óscares 2023

publi­ci­da­de

O fil­me “Alma Viva?, com­ple­ta­men­te roda­do em Trás-os-Mon­tes, na região do Vimi­o­so, onde a rea­li­za­do­ra tem raí­zes, é o indi­ca­do dos mem­bros da Aca­de­mia Por­tu­gue­sa de Cine­ma para a nome­a­ção do Fes­ti­val americano.

Esta pri­mei­ra lon­ga-metra­gem de Cristè­le Alves Mei­ra é uma copro­du­ção da Midas Fil­mes com a Flu­xus Films (Fran­ça) e a Entre Chi­en et Loup (Bél­gi­ca).

A pro­ta­go­nis­ta é Salo­mé, uma meni­na de 10 anos, que regres­sa à aldeia natal da sua famí­lia, para pas­sar as féri­as de Verão, mas, subi­ta­men­te, a sua ado­ra­da avó, mor­re. De acor­do com o comu­ni­ca­do da pro­du­to­ra por­tu­gue­sa, enquan­to os adul­tos dis­cu­tem por cau­sa do fune­ral, Salo­mé é assom­bra­da pelo espí­ri­to da fale­ci­da que, na aldeia, era vis­ta como uma bruxa.

A ima­gem de Rui Poças e o elen­co con­ta com Lua Michel, Ana Padrão, Ester Cata­lão, Jac­que­li­ne Cora­do e Duar­te Pina, entre outros.
Este fil­me pro­du­zi­do com o apoio do ICA — Apoio às Copro­du­ções Minoritárias […] 

fon­te: Reve­la­do o can­di­da­to por­tu­guês à nome­a­ção para os Ósca­res 2023

publi­ci­da­de
publi­ci­da­de