Boas Festas e Próspero Ano Novo Dez24

Boas Festas e Próspero Ano Novo...

https://i1.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/2016-12-23-postal-de-natal.png?fit=800%2C536

Os Caminhos do Cinema Português fazem votos de boas festas e de um próspero ano novo recheado de Cinema Português. Os Caminhantes, relembrando as palavras do poeta António Machado, têm a oportunidade de fazer “caminho ao andar” nesta época festiva. Oferecemos aos nossos entusiastas seguidores a oportunidade de começar em 2017 a dar as primeiras pegadas na produção cinematográfica.

Ciclo “Fusões no Cinema” Dez06

Ciclo “Fusões no Cinema”...

O Ciclo “Fusões no Cinema” retoma a programação num conjunto de temáticas que apresentam várias fusões artísticas, culturais e sociais na imagem em movimento. Com especial destaque para obras cinematográficas nacionais e este mês, à música, percorremos por entre tradições, rock conimbricense e viagens pelas estradas portuguesas, perspectivas e mundos de alguns artistas nacionais que procuram o seu rumo.

O ciclo começa já hoje e irá prolongar-se até dia 15 de Dezembro no Mini- Auditório Salgado Zenha na Associação Académica de Coimbra com sessões às Terças e Quintas.

Entrada é gratuita.

SOBRE OLIVEIRA & BOTELHO Nov25

SOBRE OLIVEIRA & BOTELHO...

https://i0.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/vlcsnap-00001.png?fit=824%2C624

Manoel de Oliveira tem sido considerado pelos seus pares como um dos grandes Mestres do cinema. Aos seus 73, como jeito de registo cinematográfico da dor, memoriza a sua casa, o abandono do material e a perda da estabilidade para um novo ponto de partida existencial. Apesar de parecer algo totalmente nefasto se olhado superficialmente, representou um marco na sua carreira, a influência da busca pelo real que pode ser ficcionado, a referência e amor pela arte de forma transversal (não são raras as referências a Agustina, por exemplo) expressa pela película.

Manoel de Oliveira tem sido considerado pelos seus pares como um dos grandes Mestres do cinema. Aos seus 73, como jeito de registo cinematográfico da dor, memoriza a sua casa, o abandono do material e a

Cerimónia de Encerramento...

https://i1.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/15194588198_b6a60073ef_k.jpg?fit=1080%2C720

Os Caminhos estendem a passadeira vermelha no dia 26 pelas 21h45 no TAGV para conhecer os grandes vencedores da seleção caminhos e da seleção ensaios. Esta última sessão é o culminar de 8 dias de festival, onde o público fica a conhecer oficialmente todos os vencedores das mais diversas categorias apreciadas pelos diversos grupos de jurados desta edição.

Os Caminhos estendem a passadeira vermelha no dia 26 pelas 21h45 no Teatro Académico de Gil Vicente para conhecer os grandes vencedores da seleção caminhos e da seleção ensaios. Esta última sessão é o culminar de 8 dias de festival, onde o público fica a conhecer oficialmente todos os vencedores das mais diversas categorias apreciadas pelos diversos grupos

Apontamentos da Selecção Caminhos II Nov24

Apontamentos da Selecção Caminhos II...

https://i0.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/Photo-2-stillkako2.jpg?fit=1920%2C1080

Há uns anos quando Kiarostami nos mostrou o público de Shirin, ficámos com uma visão diferente daquilo que era cinema e espectador, do que era a catarse e o sentimento expresso na face daquele que se isola acompanhado na sala de projecção. André Gil da Mata consegue ir mais longe, indo até à sala de projecção mostrando-nos Sena e o seu quotidiano de projecionista jugoslava, com o amor pelo cinema e pela memória colectiva da arte cinematográfica com o pretexto e metáfora de Eva Ras.

Há uns anos quando Kiarostami nos mostrou o público de Shirin, ficámos com uma visão diferente daquilo que era cinema e espectador, do que era a catarse e o sentimento expresso na face daquele que se isola acompanhado na sala de projecção. André Gil da

Proceedings 2.º Simpósio...

https://i1.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/SIMPOSIO2.jpg?fit=604%2C831

Começa hoje a IIIª do Simpósio Internacional Fusões no Cinema onde mais de vinte investigadores e dez oradores convidados apresentarão os resultados das suas investigações.

Começa hoje a IIIª do Simpósio Internacional Fusões no Cinema onde mais de vinte investigadores e dez oradores convidados apresentarão os resultados das suas investigações. Entretanto apresentamos o Livro de Actas Electrónico referente às comunicações apresentadas na IIª edição do Simpósio.

— Originalmente publicado em http://j.mp/2fI7Wmb

Juniores conhecem a magia da sétima arte...

https://i1.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/2016-11-23_12.58_Caminhos-Juniores-_©-Tiago-Santos.jpg?fit=1080%2C720

Os Caminhos Juniores decorrem entre os dias 21 a 25 de Novembro sendo exibidos vários filmes de animação, em Coimbra e Leiria, tanto no Teatro Académico de Gil Vicente, como no Teatro José Lucio Silva, destinados aos mais novos.

Os Caminhos Juniores decorrem entre os dias 21 a 25 de Novembro sendo exibidos vários filmes de animação, em Coimbra e Leiria, tanto no Teatro Académico de Gil Vicente, como no Teatro José Lucio Silva, destinados aos mais novos.

A programação, constituída na sua integra por animações, tem como principal objetivo contribuir para que as crianças estabeleçam uma ligação com o mundo do cinema tendo um carácter cultural e educativo sem esquecer a diversão própria que entu

Depois do Adeus

https://i1.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/vlcsnap-2016-11-22-09h28m39s566.jpg?fit=1268%2C720

Momentos SP foi uma sessão especial dedicada à série portuguesa ‘Depois do Adeus’ de Patrícia Sequeira e Sérgio Graciano. Neste episódio vemos uma família que, após a queda da ditadura do Estado Novo em 1975, se vê obrigada a regressar a Portugal e a abandonar a vida em Angola após uma vaga de violência se abater no país depois do anúncio da independência.

Momentos SP foi uma sessão especial dedicada à série portuguesa ‘Depois do Adeus’ de Patrícia Sequeira e Sérgio Graciano. Neste episódio vemos uma família que, após a queda da ditadura do Estado Novo em 1975, se vê obrigada a regressar a Portugal e a abandonar a vida em Angola após uma vaga de violência se abater no país depois do anúncio da

Zeus de Paulo Filipe Monteiro em Estreia na Selecção Caminhos Nov22

Zeus de Paulo Filipe Monteiro em Estreia na Selecção Caminhos...

Hoje às 21h45, os Caminhos apresentam o mais recente trabalho de Paulo Filipe Monteiro. A sessão conta com a presença do realizador e do produtor.

A história verdadeira de Manuel Teixeira Gomes, criado no sul de Portugal, numa cultura árabe. No começo do século XX, é um talentoso escritor, muito sensual na sua prosa e muito livre nos seus temas quase sempre eróticos. Em 1923, é eleito Presidente da República. O filme começa nesses anos agitados: a ascensão do fascismo é o contexto dramático das iniciativas de Gomes que, apesar das constantes revoltas militares, consegue formar governos reformistas. Os ataques contra ele recorrem aos expedientes mais baixos e à evocação da sua obra literária. E de repente, Gomes parte. Pede a demissão e procura o primeiro barco que saia de Lisboa. É Zeus, um cargueiro sem nenhum passageiro: mas Gomes toma-o e parte. Decide ir para a «mais bela cidade do Norte de África»: Bougie. Pensa instalar-se no hotel uma semana, ficará 11

“Depois do Adeus” Nov21

“Depois do Adeus”...

A SP Televisão e os Caminhos do Cinema Português associam-se, promovendo uma sessão especial da série Depois do Adeus, de Patrícia Sequeira, onde a equipa técnica e artística vai revelar os maiores desafios colocados na produção desta série e do Audiovisual em Portugal. Esta sessão decorrerá no dia 21 de Novembro, segunda-feira, às 18:00 no Mini-Auditório Salgado Zenha.

A Entrada é Livre!

Discurso de Abertura Nov20

Discurso de Abertura

http://i1.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/IMG_0292-e1479645612462.jpg?fit=1024%2C683

Encontramo-nos na abertura da XXII Edição do Festival Caminhos do Cinema Português, este ano no Mosteiro de Santa Clara a Nova, como marca da união entre o nosso festival e a história cultural da cidade de Coimbra.

Apesar de todas as dificuldades que sempre marcam a organização de um evento como este, foi conseguida inaugurar mais uma edição graças ao constante apoio da nossa organização e parceiros.

Boa noite,

Encontramo-nos na abertura da XXII Edição do Festival Caminhos do Cinema Português, este ano no Mosteiro de Santa Clara a Nova, como marca da união entre o nosso festival e a história cultural da cidade de Coimbra.

Apesar de todas as dificuldades que sempre marcam a organização de um evento como este, foi co

Crítica de Cinema, Storyboard e Cinema Documental abrem a 6ª edição do Cinemalogia...

http://i2.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/1597142_758172964207338_881923026_o.jpg?fit=720%2C480

O Curso de iniciação à realização cinematográfica – Cinemalogia 6 – pretende transmitir os conhecimentos basilares essenciais para a aquisição de competências, sejam elas técnicas ou artísticas, necessárias para a elaboração de um projecto cinematográfico. Com o intuito de enriquecer o currículo principal do curso, este ano são apresentados três Módulos Complementares abertos tanto para os nossos estudantes como para o público geral.

O Curso de iniciação à realização cinematográfica – Cinemalogia 6 – pretende transmitir os conhecimentos basilares essenciais para a aquisição de competências,

Banho de Paragem estreia amanhã...

http://i1.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/facebook-cover.jpg?fit=851%2C315

A Cerimónia de Abertura marca o início formal desta XXII edição. Nela são recebidas todas as entidades envolvidas no Festival e são nomeadas em gesto de agradecimento. É também feita uma pequena apresentação da programação geral do Festival e do grupo de jurados das mais diversas categorias. Também marca a estreia em grande écran da curta metragem – Banho de Paragem – produzida no âmbito do 5.º curso de cinemalogia promovidos pela organização que este ano contou com a coordenação de Nuno Rocha.

Banho de Paragem será exibi

“Fusões no Cinema” em Leiria...

http://i1.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/simposio-id.png?fit=500%2C559

O Cinema, sendo uma das manifestações artísticas mais recentes, nasceu e cresceu numa época dinâmica e tecnológica, funcionando muitas das vezes como instrumento pedagógico e educacional. Com um forte relevo no contexto da aprendizagem das novas tecnologias, tem sido fundamental como veio de passagem de informação e conteúdo formativo, implementando e fundindo todas as outras correntes artísticas que, com o Cinema, passaram a ser passíveis de ser registadas com o espírito devido. Qualquer área académica e científica pode ser inspirada pela arte e manifestada pela imagem em movimento, criando uma simbiose entre aquilo que quer ser mostrado e como se quer que se mostre. O foco da câmara passa por vezes a representar aquilo que a boca daquele que ensina quer transmitir, inaugurando muitas das vezes um diálogo que – tendo o filme como plúmula – se torna mais transversal. Estimulan

Nov13

O programa integral da 22.ª edição Caminhos Film Festival já está disponível online. www.caminhos.info. #caminhosfilmfestival – http://caminhos.info/programacao-2016 – #coimbra #leiria

Caminhos Seniores Nov12

Caminhos Seniores

Os Caminhos do Cinema Português conscientes de que, nos dias de hoje, é cada vez mais difícil encontrar iniciativas em que este segmento da população possa participar, apresentam a secção paralela “Caminhos Séniores”. Acreditamos que esta iniciativa é uma mais-valia para o festival que, para além de uma componente cultural, também tem um papel importante de cariz social e de integração na sociedade.

Os Caminhos do Cinema Português conscientes de que, nos dias de hoje, é cada vez mais difícil encontrar iniciativas em que este segmento da população possa participar, apresentam a secção paralela “Caminhos Séniores”. Acreditamos que esta iniciativa é uma mais-valia para o festival que, para além de uma componente cultur

Comunicado: Destruição de Outdoor...

http://i1.wp.com/caminhos.info/wp-content/uploads/2016-11-11-outdoor-1.jpg?fit=886%2C664

A organização dos Caminhos Film Festival vem por este meio repudiar a destruição de um outdoor colocado na Praça da República, em Coimbra na madrugada do dia 10. Não satisfeitos com a destruição infligida inicialmente, o outdoor voltou a ser vítima de mais um ataque a noite passada, o que reforça um acto de simples violência gratuita.

A organização dos Caminhos Film Festival vem por este meio repudiar a destruição de um outdoor colocado na Praça da República, em Coimbra na madrugada do dia 10. Não satisfeitos com a destruição infligida inicialmente, o outdoor voltou a ser vítima de mais um ataque a noite passada, o que reforça um acto de simples violência gratuita.

elgntwplk